sábado, 8 de junho de 2013

Salas de Jantar

Deliciosas Refeições com estilo e personalidade... 

Salas de Jantar, ao contrário do que muita gente pensa, é um ambiente importantíssimo em um lar. Algumas pessoas insistem em pensar que ele pode ser um lugar improvisado com a desculpa que não é necessário, além de ocupar muito espaço, mas este pensamento é um engano.

As refeições muitas vezes são um dos raros momentos, na correria do dia a dia, em que as famílias conseguem se reunir, em um momento prazeroso de partilha e confraternização. Estes momentos fazem a grande diferença em um lar.

Principalmente para quem tem família grande e, para os que gostam de receber visitas em casa, este ambiente é de fundamental  importância, mas deve ser um espaço muito bem aproveitado e funcional, para não se tronar um ambiente esquecido e ocioso, para isso é necessário um bom planejamento.

Planejando a Sala de Jantar... 

Para montá-la de forma adequada em relação ao espaço disponível e às necessidades dos moradores, é preciso avaliar a quantidade de pessoas, que ela deverá atender frequentemente, e o espaço total disponível para o ambiente.

Definindo a quantidade de pessoas será possível determinar a quantidade de cadeiras, já com a definição do espaço, passaremos a fazer uma relação entre o espaço mínimo para acomodar cada pessoa em sua cadeira (no mínimo 0,85 a no máximo 1,20 cm) e em relação à circulação que deve ser de 0,90 a 1,20 cm.

Com estas informações já é possível avaliar o tipo e formato de mesa (retangular, quadrada ou redonda)  ideal para o espaço disponível. Na escolha dos formatos é interessante considerar que mesas retangulares se adaptam melhor em espaços estreitos e acomodam mais pessoas. Já as quadradas e redondas acomodam no máximo 8 pessoas, mas do que isso exigiria uma mesa em um tamanho muito grande, desconfortável e desproporcional em relação à maioria dos casos.

A iluminação deve ser difusa para tornar o ambiente aconchegante e acolhedor, evitar luz com foco direto para a mesa, para não aquecer e /ou refletir na mesa e ocupantes. Normalmente a melhor opção de iluminação, tanto por sua decoração quanto por sua eficiência, é o uso de pendentes. Dependendo do caso pode ser usado um ou mais pendentes, além de grandes e decorativos. A altura ideal do piso até o pendente é de 1,50 com variações dependendo do caso.

Inspirações... 
Os tapetes fazem parte da decoração, em alguns casos é um elemento de extrema importância, dando valor à composição. Sempre que usados devemos levar em consideração o uso de toalhas para a mesa e/ou caminho, para que juntos não corram o risco de poluir excessivamente o visual.

Em relação às cadeiras percebam que não existe uma regra fixa para elas além do bom senso, que podem ser diferentes uma das outras em tipo, cor e tamanho, vale até uso de banquinhos, que no caso abaixo deu um charme todo especial ao ambiente.


Este ambiente super clean ganha vida por sua diversidade de elementos em cores pastéis. 
O branco total permite ousadia nos assentos que variam não só em cor como em tipo e formatos. 
Cadeiras com tipos e cores diferentes, ainda uso de banco e banqueta. 
Aprovadíssimo!  


Percebam o charme de uma simples escada decorando o ambiente com muito requinte...


Ousadia nas cores também é permitido criando um ambiente com estilo próprio, muito original e criativo.


Diferente é muito bem-vindo e misturas de estilos também. Abaixo luminárias modernas e inovadoras se interagem em perfeita harmonia com cadeiras antigas e cheias de valor. 
Percebam os quadros em sintonia do antigo com o novo.



Preto e branco adorável e requintado...


Estilo vintage e provençal, mesa oval, mistura suave de branquinho e azul clarinho. 
Encantador!


Para compor um ambiente perfeito para você e sua família, mais vale a criatividade do que regras. A criatividade nos permite contornar as particularidades do espaço, com base no conhecimentos das regras, resultando em uma composição perfeita e cheia de personalidade. 

Perceba a opção abaixo não precisou de um espaço para a circulação, já que usou sofás como assentos da mesa economizando o espaço e tornando-o muito aconchegante e acolhedor. O bebê também tem seu espaço garantido e muito confortável na sala de jantar



Delicado Azul e branco, dispensa o pendente e o substitui por um lindo Abajur.


O aparador e/ou buffet são elementos que auxiliam e valorizam o ambiente, mas na falta deles não se desesperem e usem a criatividade. 
No  caso abaixo, esta falta foi resolvida, com a adaptação de uma escada.


Preto e Banco chame e requinte...


Colorido alegra e descontraído. 
Opção novamente aproveitando, de forma inteligente, a falta de espaço com o uso de sofás.


Cinza e branco rústico...



Lanche e pequenas refeições...

Se o espaço é muito pequeno e de forma alguma caberia um espaço, que poderia ser chamado de sala de jantar, não se desanime. A solução está em um cantinho para lanche e pequenas refeições, cabe em qualquer canto sem perder o valor destes momentos saborosos.

Abaixo, em estilo Indiano, com muitas cor nas estampas misturada com cores pastéis do ambiente e mobiliários, forma um cantinho adorável e todo especial nos detalhes.
Que não adoraria fazer uma refeição neste espaço.



Abaixo, rusticidade em perfeita harmonia com cores alegres e vibrantes, valorizando este pequeno espaço notável.


Mais um espaço simples, mas delicioso. Claro e suave, mas marcante.



Reflexão:

"'Não é a dor que nos muda...mas sim a utilização inteligente desta dor...”
(Augusto Cury)

Tatiana Pereira Américo 
Imagens e Créditoshttp://www.housetohome.co.uk/ 79 ideas, Armazém Fornari, Pinterest, Assim eu gosto, Artesanato BrasilGoogle Images.

Nenhum comentário:

Postar um comentário